Blog sobre o setor rural de Alagoas

Sindaçúcar-AL apoia realização do Global Agribusiness Forum 2018


AL Rural
Fonte: Assessoria

20/07/2018 15h00

O Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Alagoas (Sindaçúcar-AL) é uma das entidades que prestam apoio institucional ao Global Agribusiness Fórum 2018. O maior evento voltado para o segmento do agronegócio mundial acontecerá nos dias 23 e 24 de julho, no Sheraton WTC Hotel, em São Paulo.

O evento, que tem como tema; “A ciência do campo a serviço do planeta: a ação é agora”, colocará em pauta o futuro do agronegócio e as questões mais desafiadoras no campo como segurança alimentar, qualidade do alimento, sanidade, rastreabilidade, energia a partir de bases agrícolas, comércio internacional e mudanças climáticas.

O encontro internacional, que deve contar com a presença do presidente do Sindaçúcar-AL, Pedro Robério Nogueira, reunirá os maiores expoentes da agricultura mundial, para debater o agronegócio e buscar soluções para desafios enfrentados pela humanidade para se desenvolver socioeconomicamente e preservar o meio ambiente.



Compartilhe
comentários

Coopaiba tenta viabilizar execução do PNAE e PAA em Alagoas


AL Rural

19/07/2018 15h51

A Cooperativa dos Agricultores Familiares e dos Empreendimentos Solidários (Coopaiba) e lideranças de Piaçabuçu estiveram reunidos essa semana com o governador Renan Filho para tentar viabilizar os programas Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e o de Aquisição de Alimentos (PAA) em Alagoas.

De acordo com o presidente da Coopaiba, Antonino Cardoso, a proposta é conseguir fazer com que essas duas políticas públicas funcionem no estado, ajudando a escoar os produtos dos agricultores familiares e gerando renda para a população.

“Tivemos um encontro muito proveitoso com o governador e ainda esse ano teremos novidades para o PNAE. A Desenvolve hoje tem recursos de R$ 5 milhões para serem aplicados no complemento de alimentos do PNAE, o que beneficia os agricultores. Já o PAA estadual, o pontapé só poderá ocorrer, devido ao período eleitoral, em 2019”, explica Cardoso.

Participaram do encontro a deputada Jó Pereira e o Prefeito de Teotônio Vilela Joãozinho Pereira. 

A compra de produtos da agricultura familiar para a alimentação escolar é prevista pela legislação, no art.14 da lei 11.947/90, onde há a determinação de que 30% dos recursos destinados à alimentação de órgãos municipais, estaduais e federais sejam adquiridos da agricultura familiar. 

 


Compartilhe
comentários

Senar-AL realiza ciclo de palestras sobre mudanças no sistema tributário


AL Rural
Fonte: Bccom Assessoria

12/07/2018 14h44

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Regional Alagoas (Senar-AR/AL) realiza um ciclo de palestras, no dia 25 de julho, para discutir o e-Social e o EFD-Reinf. O evento terá início às 9h e prosseguirá até às 12h, no auditório da entidade.  

As palestras vão tirar dúvidas sobre as mudanças do sistema tributário brasileiro, que já entrou em vigor a partir de julho. Estarão presentes representantes da Receita Federal, Caixa Econômica Federal, CRC AL, Ministério do Trabalho e INSS.

As inscrições já se encerraram e cerca de 200 pessoas são esperadas participando do evento. 



Compartilhe
comentários

CPLA entrega Plano de Negócio da UBL à deputado Francisco Tenório


AL Rural
Fonte: Assessoria

05/07/2018 15h46

A Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) continua apresentando à sociedade seu Plano de Negócio que comprova a viabilidade econômica do projeto de abertura da Unidade de Beneficiamento do Leite (UBL), em Batalha. Na quarta-feira,27,  o documento foi entregue ao deputado estadual Francisco Tenório (PMN-AL).

Parceiro importante e grande incentivador do projeto, o deputado Francisco Tenório  teve participação na compra dos equipamentos  que já se encontram no parque fabril. Os recursos, na ordem de   R$ 600 mil, foram assegurados por meio de emendas parlamentares.

“Cumprimos uma parte da missão e agora vamos continuar unindo esforços para colocar essa fábrica em operação. Parabenizo a CPLA e seus produtores pela garra e perseverança em tornar esse projeto em realidade”, comemorou Tenório.

Os diretores da CPLA, Aldemar Monteiro e Fernando Medeiros, aproveitaram  o encontro com Francisco Tenório para agradecer o apoio coletivo. “Podemos afirmar que esse projeto pertence à Alagoas e pode ser decisivo para o futuro  da nossa cadeia leiteira. Nosso agradecimento a todos que estão recebendo esse documento e nos apoiando nesse grande sonho da agricultura familiar”, agradeceu.

O projeto da UBL  conta com apoio do governo de Alagoas, governo federal, Sebrae/AL e Ministério da Integração Nacional.A abertura da fábrica representa geração de 23 mil empregos indiretos, aumento da produção leiteira em 500%, inclusão produtiva de 10 mil pessoas no campo, além do fomento à economia e indústria de derivados de Alagoas.

 Em funcionamento, a UBL, dentro de cinco anos, terá a capacidade de processar 200 mil litros por dia. A linha de produtos da marca corresponda a leite em pó, leite condensado, doce de leite, composto lácteo, bebida láctea, manteiga e queijos.



Compartilhe
comentários

Stab Leste realiza 35º Simpósio da Cana de Alagoas


AL Rural
Fonte: Assessoria

29/06/2018 19h31

O presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Alagoas (Sindaçúcar-AL), Pedro Robério Nogueira, será um dos mediadores do 35º Simpósio da Cana-de-açúcar de Alagoas.

O evento, reconhecido nacionalmente como um dos mais importantes eventos técnicos científicos do Brasil, será realizado entre os dias 11 a 13 de julho, no Centro Cultura e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió.

Promovido pela Sociedade dos Técnicos Alcooleiros e Açucareiros do Brasil – Regional Leste (Stab - Leste) o simpósio reunirápesquisadores, técnicos, empresários, administradores e estudantes, além de representantes de instituições/empresas que desenvolvem suas atividades voltadas para o setor sucroenergético.

O maior evento técnico-científico do Nordeste sobre a agroindústria da cana-de-açúcar contará com palestras, mesas redondas e debates sobre os temas mais atuais do setor, sendo apresentadas as principais novidades e os avanços tecnológicos do segmento agroindustrial.

RENOVABIO

Este ano, um dos destaques da programação será o debate sobre a nova política para os biocombustíveis do governo federal, o RenovaBio.

O programa foi criado com o propósito de promover o aumento do uso de combustíveis renováveis em larga escala, incentivando seus produtores através de um sistema de crédito por mitigação de poluentes.

O RenovaBio será responsável por beneficiar os produtores que retiram o carbono da atmosfera através de práticas de produção de biocombustíveis. Todo esse mercado funcionará através do CBios, que são créditos emitidos de acordo com os volumes de biocombustíveis entregue.



Compartilhe
comentários

Faeal e Bradesco debatem parceria para o setor agropecuário alagoano


AL Rural
Fonte: Ascom BCCOM

28/06/2018 14h45

O gerente regional do banco Bradesco, Marcelo Magalhães, realizou uma visita ao presidente da Federação da Agricultura e Pecuária no Estado de Alagoas (Faeal), Álvaro Almeida, no intuito de conquistar mais espaço no seguimento agropecuário de Alagoas. 

No encontro foram apresentadas linhas de crédito de incentivo à produção agrícola do Estado.

”Foi uma visita inicial de aproximação para que o banco possa mostra aos nossos produtores o que disponível para o agronegócio no nosso Estado. Todo o projeto deverá ser apresentado em uma palestra que está sendo agendada para acontecer, também na Faeal, no próximo mês de julho”, declarou Almeida.

A iniciativa do banco privado foi recebida com entusiasmo pela entidade de classe. ”Achei importante essa aproximação. Ela é o reflexo da pujança do nosso setor agropecuário no Estado. Agradecemos imensamente a visita e nos colocamos ao interior dispor da instituição que pode oferecer ao produtor alagoano novas oportunidades de negócios e oferecer um atendimento especial”, afirmou Almeida.



Compartilhe
comentários

Plano de Negócio da UBL da CPLA será apresentado ao setor industrial de AL nessa terça (26)


AL Rural
Fonte: Bccom Assessoria

26/06/2018 16h20

Em mobilização pela abertura imediata da Unidade de Beneficiamento do Leite (UBL), a Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) apresentará, nessa terça-feira, 26, o Plano de Negócio da Unidade ao setor industrial de Alagoas, em encontro com o presidente da Federação das Indústrias de Alagoas (Fiea), José Carlos Lyra de Andrade, a partir das 11h30, na sede da entidade.

"O setor produtivo deposita todas as suas expectativas nesse projeto para reverter o quadro instável de produção leiteira e escoamento em nossso estado, principalmente entre os pequenos produtores. Estamos na reta final desse projeto, podendo nossa fábrica estar aberta em seis meses a depender da readequação física  do parque fabril em Batalha", revelou o presidente da CPLA, Aldemar Monteiro. 

O documento, que comprova a viabilidade econômica do empreendimento para o Estado, contou com o incentivo da própria Federação e do Sebrae/AL. "Esse projeto não é só da CPLA, mas sim de toda agricultura, setor industrial, estado e todo povo alagoano. Nosso irrestrito agradecimento à Federação pelo incentivo pontual para mapear a realidade do setor e impactos econômicos positivos a ser gerado pela fábrica da CPLA", agradeceu Monteiro em nome dos mais de  39 mil pequenos produtores de leite de Alagoas.

A reunião na Fiea também contará com a participação da direção do Sindicato das Indústrias dos Laticínios de Alagoas (Sileal), entidade parceira da iniciativa. 



Compartilhe
comentários

Dirigentes da Fetag-AL participam de evento da CUT


AL Rural
Fonte: Bccom Assessoria

20/06/2018 17h26

Dirigentes da Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado de Alagoas (Fetag-AL) participam esta semana, no Cesir, no Distrito Federal, do 2º Encontro Nacional Macrossetor Rural da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

A delegação alagoana é formada pelo secretário de Organização e Formação Sindical e pela secretaria de Política Social, respectivamente, Leonardo Correia e Rilda Alves.

No encontro, que tem ainda a participação de dirigentes da Contag, serão abordadas questões referentes a reestruturação, fortalecimento e funcionamento do macrossetor, tendo como alguns dos principais temas a construção e consolidar estratégias de unificação das lutas dos trabalhadores e trabalhadoras do campo e da cidade e as propostas de desenvolvimento rural sustentável e o fortalecimento do sindicalismo no campo.

A programação conta ainda com palestras, mesas redondas e a apresentação da síntese dos grupos, sistematização das propostas para a plataforma política e leitura da carta final do encontro. 



Compartilhe
comentários

Fetag-AL participa de encontro regional sobre comunicação sindical e popular


AL Rural
Fonte: Bccom Assessoria

19/06/2018 15h29

Dirigentes da Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado de Alagoas – Fetag-AL participaram do encontro da regional Nordeste, realizado, no período de 13 a 15 de junho, na cidade de João Pessoa, na Paraíba, que debateu a comunicação sindical e popular.

O evento, promovido pela Contag, fez parte de uma agendamento de encontros que seguem até agosto, debatendo a questão da educação popular e tecnologias da informação.

Na oportunidade, os participantes também fizeram uma revisita a Política Nacional de Comunicação da Contag com um olhar para as especificidades da região Nordeste e aprofundou os próximos passos da Rede de Comunicadores e Comunicadoras Populares da confederação.

Cada federação nordestina contou com a participação de cinco representantes que promoveram o debate para a construção de uma comunicação mais humana, que respeite a cultura e a identidade do povo nordestino.



Compartilhe
comentários

Projeto social da CPLA propõe melhorias para vida de agricultores familiares


AL Rural
Fonte: Bccom Assessoria

18/06/2018 15h31

Muito além do atendimento e organização da produção leiteira de 72 associações no interior de Alagoas, a Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) passa a  propiciar atenção social para as famílias de seus associados com ações itinerantes nas comunidades.

Todo mês, com o auxilio de parceiros e prefeituras municipais, equipes de saúde e atendimento cidadão desembarcam nas comunidades para prestar serviços de manutenção de documentos, testes de saúde e capacitação. São quase 20 serviços prestados durante a maratona de  atendimentos, sendo   testes de visão, glicemia, verificação da pressão arterial, consultas odontológicas e  outros.

A proposta da cooperativa é assegurar a manutenção da vida no campo com ações consideradas pontuais para o desenvolvimento da cultura responsiva.  “A CPLA tem buscado instrumentos para dignificar e promover a sustentabilidade do agricultor familiar para além da orientação técnica. Acreditamos que todas as arestas precisam estar equilibradas para que as famílias sejam produtivas e lutem juntas”,  explica o presidente da CPLA.

Além de levar ações imediatas, a cooperativa deseja, segundo Monteiro,  com as intervenções nas comunidades, promover bem estar em todas os setores  da vida dos produtores. “Hoje viver no campo não é mais sinônimo de atraso. Esse projeto  chega justamente para orientar ao produtor a manter seus documentos legalizados e a zelar por sua saúde, harmonizando sua vida e seu trabalho”, comentou Aldemar.

Ação

A primeira ação social da CPLA no mês de junho  acontece na próxima terça-feira, 19,no município de Traipu, Agreste alagoano.  A equipe itinerante desembarca no Povoado Piranhas, onde mora mais de 600 pessoas. 

O dia na comunidade contará com atendimento odontológico, oftalmológico,  testes de saúde, palestras e  coleta de dados para habilitação de documentos como RG, Certidão de Nascimento e CPF.  Outras duas comunidades,  Pau Ferro e Caititu, em municípios do Sertão foram atendidas na fase inicial do projeto. 



Compartilhe
comentários

Edgar Filho representa fornecedores de cana em reunião no Recife


AL Rural
Fonte: Assessoria

13/06/2018 10h14

Representando os fornecedores de cana alagoanos, o presidente da Asplana, Edgar Filho, participa nesta quarta-feira, dia 13, da reunião dos governadores de Alagoas e Pernambuco que será realizada, a partir das 10h, no Palácio Campo das Princesas, em Recife.

“Vamos buscar a redução do ICM das usinas junto ao governo de Alagoas para que seja adotada a mesma política que existe em Pernambuco”, afirmou Edgar Filho.

No encontro, o governador Renan Filho, secretários de Estado e demais representantes do setor sucroenergético alagoano, conhecerão como funciona em Pernambuco o programa de incentivos ao setor canavieiro.



Compartilhe
comentários

CPLA alerta produtores para prazo da vacinação contra aftosa


AL Rural
Fonte: Assessoria

12/06/2018 15h11

A Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) alerta seus produtores, que ainda não concluíram o processo de vacinação do rebanho contra a Febre Aftosa,  para o encerramento do prazo estipulado pela Agência  de Defesa e Inspeção Agropecuária de Alagoas (Adeal).  Os produtores têm até a próxima sexta-feira, 15, para vacinar o rebanho. 

A declaração junto a Adeal pode ser feita até quarta-feira, 20. 

 



Compartilhe
comentários

Fetag-AL orienta dirigentes sindicais sobre o e-Social


AL Rural
Fonte: Assessoria

08/06/2018 17h27

As mudanças nas relações trabalhistas e previdenciárias com o e-Social foi o tema do seminário promovido pela Fetag-AL, nesta terça-feira, 05, para os dirigentes e contadores das entidades da agricultura familiar e de assalariados rurais.

O encontro, que foi realizado na sede da Fetag-AL, localizada no bairro de Mangabeiras, em Maceió, reuniu mais de 70 sindicatos rurais, tirando dúvidas sobre as mudanças do sistema que entrar em vigor a partir de 1º de julho.

“Convocamos os presidentes, secretários de Finanças e os contadores dos sindicatos para participar deste seminário, compartilhando informações importantes sobre o e-Social que será uma responsabilidade a mais. O seminário teve a finalidade de tornar claro para as nossas bases o motivo de declarar mensalmente e de mostrar para o governo federal todas as nossas receitas e despesas. Até então, não era obrigado declarar a gratificação de um diretor de entidade sindical”, afirmou Givaldo Teles, presidente da Fetag-AL.

De acordo com o secretário de Finanças da Fetag-AL, Genivaldo Oliveira, o seminário foi ministrados por contadores que trataram das questões do e-Social aplicadas na agricultura familiar e nos assalariados rurais.

“Passamos para os representantes dos sindicatos rurais a responsabilidade que cada um deles tem sobre esta documentação, evitando posterior cobrança de multa por parte da Receita Federal”, declarou Oliveira.

O encontro contou ainda com a participação de dirigentes da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais, a exemplo do presidente da entidade, Cícero Domingos.



Compartilhe
comentários

Pindorama atinge 87% de cobertura no CAR


AL Rural
Fonte: Assessoria

05/06/2018 15h38

A equipe de  força-tarefa para efetivação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)  registrou, até a última quinta-feira, 31 de maio, o total de  87% das propriedades de colonos e associados entre a 1495 propriedades da pertencente à  unidade. O cadastro foi prorrogado pelo presidente da República, Michel Temer,na última quarta-feira,30,  até 31 de dezembro desse ano.

Segundo o gestor de meio ambiente da Cooperativa Pindorama, Ewerton Ferreira, a estimativa é que dentro dos próximos 20 dias sejam concluídas as atividades de cadastro pela equipe técnica da Pindorama.

 “Nossa equipe realizou atendimento de plantão, com reforço de colaboradores, até a última quinta-feira, visando a conclusão de cadastros dos lotes mesmo após a oficialização da prorrogação anunciada pelo governo federal. Avaliamos positivamente a inclusão das terras de Pindorama ao CAR”,   ressaltou o gerente.

O Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural (Sicar) ficou indisponível na web desde a última sexta-feira, 1º de junho. Segundo o sistema Florestal Brasileiro, o procedimento visa melhoria no desempenho e novas aplicações. A plataforma volta a funcionar em 19 de junho. 

"Apesar da indisponibilidade do sistema, a Pindorama vai aproveitar o intervalo para mensuração dos resultados de adesão ao CAR e ofertar atendimento para esclarecimentos gerais sobre o cadastro", informou o Ewerton.



Compartilhe
comentários

Estudos realizados no Hospital do Açúcar serão apresentados no 39º Congresso da Sociedade de Cardiologia de São Paulo


AL Rural
Fonte: Assessoria

30/05/2018 15h00

Duas pesquisas realizadas no Hospital do Açúcar, entre os anos de 2011 e 2014, serão apresentadas num dos eventos acadêmicos mais disputados do país, o 39º Congresso da Sociedade de Cardiologia de São Paulo, de 30 de maio a 2 de junho. 

Os trabalhos submetidos e aprovados intitulam-se: “Correlação entre índice tornozelo-braquial e apresentação clínica da doença arterial coronariana de acordo com o diagnóstico clínico/eletrocardiográfico” e “Índice tornozelo-braquial e morfologia das lesões coronarianas detectadas pela cinecoronariografia”. Ambos os estudos foram realizadas por médicos da Unidade de Coronariana  segundo casos apresentados por pacientes atendidos pelo Hospital. 

Com um núcleo de produção acadêmica ativo, o Hospital do Açúcar tem incentivado, segundo avaliação do médico cardiologista, Francisco Costa, o aprimoramento de conhecimentos. “A equipe conseguiu emplacar seu estudo, pela relevância e notoriedade, em um evento que não é fácil ser aceito, entre milhares que se inscrevem”, detalha o médico. 

Os dois trabalhos investigados pela equipe será apresentado pelo médico João Antônio Alves de Oliveira. No total, sete médicos cardiologistas integraram a equipe de pesquisa com paciente do Hospital do Açúcar. “Essa aceitação em espaços acadêmicos legitima nosso estado como produtor de conhecimento científico, prestando nossa contribuição aos avanços da cardiologia”, complementou Francisco Costa.  



Compartilhe
comentários

Prazo para inscrição do CAR encerra em dois dias


AL Rural
Fonte: Assessoria

29/05/2018 16h07

Com apenas nove dias para o fim do prazo para a inscrição no Cadastro Ambiental Rural (CAR), Alagoas permanece entre os Estados brasileiros com o menor índice de adesão de propriedades rurais ao sistema, acumulando uma cobertura de 60,7% do território.

De um universo de 2,1 milhões de hectares cadastráveis no Estado, até o dia 30 de abril, data do último boletim divulgado pelo Sistema de Cadastro Ambiental Rural (Sicar), apenas 1,2 milhão havia sido inserido na plataforma.

De acordo com dados repassados pelo Sicar, apesar da cobertura da área está abaixo dos demais Estados, o incremento entre os meses de março a abril foi superior a 20 mil hectares.

Em comparação aos demais Estados nordestinos, Alagoas é o que apresenta menor índice de cobertura no CAR, apesar da Bahia e do Ceará estarem com percentuais que também inspiram atenção de 69,2% e 69,9%, respectivamente.   

Já em termos nacionais, Alagoas e Espírito Santo (com uma área de 4,2 milhões de hectares) têm o mesmo índice de cobertura de imóveis rurais no sistema, apesar da região Sudoeste estar no sistema com 100% de cobertura. Já no Nordeste o percentual é de 92,5%, o menor do País.



Compartilhe
comentários

8ª Expoalagoas Genética supera expectativas de faturamento e negócios


AL Rural
Fonte: Assessoria

25/05/2018 15h40

A Expoalagoas Genética 2018 encerrou a sua oitava edição com o melhor resultado possível, sendo consagrada como a maior exposição agropecuária do primeiro semestre em todo o Nordeste. Com uma programação bem mais extensa e oito dias de atividades bastante diversificadas, o evento provou a força e o potencial da genética e do agronegócio alagoano.

Em um ambiente direcionado a produtores, gerentes, colaboradores, profissionais e estudantes envolvidos na pecuária de leite e no agronegócio, a exposição recebeu criadores não apenas de Alagoas, mas de todo o Brasil, a exemplo de São Paulo, Rio Grande do Norte, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Piauí, Paraíba e Ceará.

De acordo com estimativas da Associação dos Criadores de Alagoas (ACA), a Expoalagoas Genética chegou a um faturamento de R$ 4 milhões. Mais de 130 expositores prestigiaram o evento, que proporcionou várias oportunidades de negócios.

Cerca de cinco mil pessoas estiveram presentes na exposição durante os oito dias de programação, em um local que foi palco de leilões, julgamentos, shopping de animais, competições, provas, exposição, cursos, palestras e eventos nacionais como a 1ª Exposição Interestadual de Girolando - Circuito Mega Leite – Etapa Nordeste e a Exposição Nordestina das raças Doper e White Dorper. No total, mais de mil passaram pelo Parque da Pecuária.

Leilões

A exposição abriu oficialmente a temporada de remates em Alagoas, em uma sequência de três leilões na programação. Com um show de genética, o 13ª leilão Vaqueja e Trabalho ressaltou ainda mais a beleza racial do quarto de milha. O 3º leilão Genética de Berço foi sucesso novamente em qualidade técnica e público, um dos grandes destaques dessa edição. Mas, a novidade este ano ficou por conta do 2º leilão Dorper Pé na Areia, que atraiu criadores de ovinos de todo o Nordeste.

Apresentando uma seleção sinônima de qualidade genética, os três leilões reuniram mais de 110 animais, entre equinos, bovinos e ovinos, alcançando grandes números em faturamento.
O primeiro leilão apresentado foi a novidade deste ano, o 2º Leilão Pé na Areia, promovido pela fazenda Boa Vontade, provando que pode se consolidar como umas das principais praças do comércio dos ovinos Dorper no Estado. O remate obteve 100% de liquidez, arrecadando R$ 169.200 nos 21 lotes ofertados.

A 13ª edição do Vaquejada e Trabalho foi o maior faturador da exposição. Promovido pelos Haras CPMF e Porto Rico, o remate arrecadou R$ 1.104.240,00 e obteve crescimento de 27,46% com as vendas de 45 lotes da raça equina quarto de milha.

Encerrando não apenas essa sequência de remates, mas também a 8ª edição da Expoalagoas Genética, o Leilão Genética de Berço foi o último a se apresenta na exposição, obtendo um grande faturamento e um crescimento de 19,5%. No total, com a venda de 45 lotes das raças gir e gir leiteiro, o leilão arrecadou R$ 582.000,00.

Nordestina Dorper

No entanto, o sucesso da exposição não conta apenas com os tradicionais leilões. As demais atividades chamaram bastante atenção, colocando em evidência o crescimento da pecuária e do agronegócio em Alagoas.

A exemplo disso, a Expoalagoas Genética recebeu a Exposição Nordestina Dorper 2018, que preparou uma programação especial para incentivar ainda mais a cadeia de ovinos do Estado.

Além do 2º leilão Pé na Areia, a exposição contou com dois dias de julgamento dos ovinos dorper e white dorper, reunindo cerca de 350 animais e com o Curso de Inseminação Artificial via Transcervical em Ovinos e Caprino, que após dois dias de atividades teóricas e práticas, capacitou novos inseminadores de ovinos para o mercado.

Exposição Interestadual Girolando

Um dos grandes destaques dessa edição, sem dúvidas, foi a Exposição Interestadual de Girolando – Circuito Megaleite - Etapa Nordeste, que veio com a missão de fomentar, aquecer e incentivar a pecuária leiteira em Alagoas.

Nos quatro dias de atividades, o evento julgou os animais girolando meio sangue, ¾ e 5/8. Nessa disputa saíram a melhor fêmea jovem e as grandes campeãs de cada um dos três graus de sangue. Na raça gir, a Agropecuária Pereira foi a grande campeã na categoria melhor fêmea jovem e grande campeã.

A Expoalagoas Genética realizou também o 1º Shopping Nelore, e em dois dias conseguiu levar grandes oportunidades de negócios para os interessados em adquirir Touros e Matrizes PO dos principais criadores alagoanos.

Além de todas essas atividades, a exposição trouxe dois dias da competição de três tambores com premiação e quatro dias de curso de Gerenciamento de fazendas.

Conhecimento, experiência, oportunidades de negócio e incentivo foram os principais objetivos da 8ª Expoalagoas Genética, o que permitiu que o sucesso do evento fosse uma certeza, seguindo ainda como a maior exposição de todo o Nordeste no primeiro semestre do ano, acontecendo bem aqui, em Alagoas.



Compartilhe
comentários

CPLA reunirá produtores na próxima quinta-feira (24) em Batalha


AL Rural
Fonte: Assessoria

23/05/2018 16h00

 

A Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) volta a reunir seus técnicos e presidentes de associações de produtores de municípios do sertão, na próxima quinta-feira, 24, na Unidade de Beneficiamento do Leite (UBL), em Batalha. A reunião será conduzida pelo presidente da  cooperativa, Aldemar Monteiro.

Na oportunidade, o grupo vai avaliar as metas de produção mensal entre os agricultores familiares e a efetividade da assistência técnica prestada pela CPLA. “Esse acompanhamento integral  nos permite uma forma de trabalho mais unificada, como recomenda o cooperativismo. A cada reunião buscamos soluções de problemas na produção, abastecimento e gestão leiteira”, conta o presidente Aldemar Monteiro.

Sobre o rendimento do trabalho técnico do mês de maio,  o dirigente da CPLA, avalia que o calendário seja fechado de forma positiva. “Tivemos um avanço na resolução de problemas administrativos, legalização documental das associações e procuramos baixar o índice de perda de leite devido a estrutura do fornecimento de energia”, revela o produtor. 

Mais dados e informações sobre o andamento produtivo da produção leiteira dos agricultores da CPLA será apresentado durante o encontro na UBL quinta-feira,24, a partir das 9h.



Compartilhe
comentários

Levantamento da Conab aponta nova quebra de safra para Alagoas


AL Rural
Fonte: Assessoria

23/05/2018 09h40

Após Alagoas ter amargado um dos piores ciclos da cana das últimas décadas, beneficiando apenas 13,7 milhões de toneladas de cana, a Conab divulgou o primeiro levantamento da safra 18/19 com a estimativa de produção e de moagem para o Estado. Segundo o estudo, a previsão de moagem prevê uma nova quebra de safra que deve chegar a 13,3 milhões de toneladas com uma variação negativa de 2,3% em comparação ao ciclo passado.

Apesar de o Estado ser o maior produtor da região Nordeste, há uma expectativa de redução na área colhida e também na produtividade decorrente, principalmente, da queda da participação dos fornecedores de cana na moagem por conta de dificuldades financeiras.

Ainda de acordo com o levantamento, o Estado de Alagoas, que chegou a ter uma área de canavial de 463,7 mil hectares, deverá reduzir este território, na próxima moagem, para 301,7 mil hectares. Com isso, a estimativa de área a ser colhida é 0,7% menor que a da safra anterior, que foi de 303,8 mil hectares.

Em Alagoas, enquanto na safra 17/18 foram produzidas pouco mais de um milhão de toneladas de açúcar, no próximo ciclo, a produção estimada aponta um crescimento de 4,4%, chegando a 1, 1 milhão de toneladas.

No mesmo caminho, segue a produção de etanol. Enquanto o ciclo anterior o acumulado foi superior a 326 milhões de litros, na próxima moagem, é esperada uma reação com crescimento de até 3,8%, resultando em uma produção de 339 milhões de litros.

Apesar das dificuldades com a falta de investimento e dificuldade financeira, segundo o levantamento, espera-se uma recuperação no plantio da cana-de-açúcar para a safra 18/19 em Alagoas, considerando a boa precipitação pluviométrica ocorridas nos últimos meses.

O estudo da Conab detalha ainda que algumas unidades de produção do Estado estão com um novo método de plantio de baixo custo, que representa um ganho em termos de economia. Esse novo sistema de plantio acontece através de plantadeiras de seis linhas e sementes reduzidas, onde se utiliza em média de 8 a 10 toneladas de semente por hectare, quando no sistema anterior se utilizava até 15 toneladas de sementes por hectare.

A produtividade é estimada em 44.213 kg/ha, redução de 1,6% em relação à safra passada. Diante desse cenário, há um esforço de lideranças do setor para encontrar uma saída que venha, pelo menos, minimizar a crise enfrentada pelo segmento.

Para finalizar, o levantamento da Conab aponta ainda o esforço público e privado para desenvolver um plano que possa preservar a principal matriz econômica do Estado, destacando a criação da Câmara Setorial da Agroindústria da Cana em Alagoas e que foi constituído com o objetivo de retomar a atividade sucroenergética.



Compartilhe
comentários

3º Leilão Genética de Berço registra crescimento de 19,5%


AL Rural
Fonte: Assessoria

22/05/2018 16h23

A  Agropecuária Pereira comemora o crescimento de 19,5% no faturamento do Leilão Genética de Berço, realizado nesse domingo, 20. A 3ª edição do remate, que encerrou  as atividades da Expoalagoas Genética, em Maceió/AL, arrecadou R$ 582.000,00 com a venda de 45 lotes das raças gir e gir leiteiro.
O rebanho JJPZ, composto por novilhas, bezerras, matrizes, fêmeas em lactação e machos foi bem avaliado pelos compradores, registrando 100% de liquidez nas vendas. Os lotes de destaque do leilão foram figurados pelas fêmeas EGO DA PEREIRA e AFAZY FIV GIR ORIETE, por R$ 7.200,00 e R$ 39.000,00, respectivamente.
“A seleção Genética de Berço é uma mostra de resultado do trabalho de melhoramento. Vendemos o que temos de melhor em funcionalidade e produtividade das famílias mais nobres do gir leiteiro e girolando do mundo”, afirma o assessor do Leilão, Nauber Almeida.
No geral, o remate vendeu 64 produtos distribuídos em 49 lotes. Em números finais, o valor médio dos animais foi de R$ 8.818,18. Por lote, em decorrência da venda acompanhada de bezerros, a média subiu para R$ 11.877,55. A venda dos dois embriões efetivados gir e girolando custaram aos investidores R$ 14.600,00 , sendo o primeiro arrematado por R$ 7,5 mil e o segundo por R$ 6,6 mil.
O pecuarista e promotor do Leilões, Joãozinho Pereira,  fez um balanço positivo do remate. “Agradecemos aos amigos, convidados e clientes por acreditarem na força desse leilão. Um leilão que nos dá orgulho pelo potencial genético, quantidade e qualidade técnica exposta”,  ressaltou.

Rebanho de destaque 
 
Por mais um ano, o Leilão Genética de Berço foi palco da cerimônia de entrega dos títulos de julgamentos e encerramento oficial da 8ª Expoalagoas Genetica. A Agropecuária Pereira foi um dos destaques da exposição consagrando-se como melhor expositor gir leiteiro e girolando, além de ter animais vencedores em pista.
Um dos compradores do leilão, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Sergipe, Ivan Sobral, atestou a qualidade do rebenho JJPZ. “Um verdadeiro desfile das raças leiteira. Animais de genética inconstetável, morfologia, bom acabamento de carcaça e beleza racial sem igual”, frisou Sobral.
A Associação dos Criadores de Alagoas (ACA), com a presença do presidente Domicio Silva, ressaltou a contribuição do leilão a exposição. “Nossos quadros de negócios e técnicos se reforçam com as vendas desse leilão que já se consagrou na exposição. Sem dúvida, é um demonstrativo de força e união da nossa pecuária, que é referência e está disponível para o mundo”, enfatizou Domicio Silva.
O 3º Leilão Genética de Berço também recebeu a participação dos alagoanos Paulo Amaral e Alexandre Oiticica, além de criadores de Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe e Bahia.



Compartilhe
comentários