Esporte

Copa do Mundo deve sentenciar o vencedor da Bola de Ouro de 2018


Fonte: Notícias ao Minuto

06/06/2018 14h25

A disputa pela Bola de Ouro de 2018 está aberta e a Copa do Mundo da Rússia deve determinar o vencedor. Cristiano Ronaldo, Lionel Messi, Neymar Jr. e Mohamed Salah são os favoritos a levar o prêmio, mas nenhum deles está na frente um do outro nesta corrida pelo troféu de melhor jogador do mundo.

Vencedor da Bola de Ouro do ano passado, Cristiano Ronaldo teve um semestre espetacular com a camisa do Real Madrid, mas na final da Liga dos Campeões da Europa, contra o Liverpool, o craque não brilhou. Na partida que teve Bale como protagonista, o português teve uma atuação "mais ou menos". Ainda assim, o time espanhol ficou com o título e isso pesa para o gajo.

Messi e o Barcelona não foram bem na Champions e acabaram eliminados de maneira precoce, nas quartas de final. Por outro lado, o time catalão venceu o Campeonato Espanhol e o craque argentino teve uma participação muito importante na campanha.

Neymar vinha bem pelo Paris Saint-Germain e seus gols e atuações foram fundamentais para que o clube parisiense conquistasse de maneira avassaladora o Campeonato Francês. Mas o craque brasileiro acabou sofrendo uma lesão quando a equipe mais precisou dele. Sem o camisa 10, o PSG foi eliminado da Champions pelo Real nas oitavas de final. Além disso, Ney parou por três meses para se recuperar da cirurgia no quinto metatarso do pé direito.

Já Mohamed Salah começou o semestre surpreendendo. Com a saída de Coutinho, muita gente acreditou que o Liverpool iria cair de produção. Mas o atacante egípcio chamou a responsabilidade e liderou o time britânico à final da Champions. E quando estava a um passo da glória, o goleador dos Reds não teve sorte. A lesão sofrida num lance com Sergio Ramos tirou Salah de campo na decisão da Liga dos Campeões, no momento em que ele dominava o jogo.

Diante destes fatos, a Copa do Mundo ganha um peso ainda maior para determinar o vencedor da Bola de Ouro. Vale ressaltar que, historicamente, o Mundial sempre influenciou na escolha do melhor jogador do mundo, como foi com Romário em 1994, Zidane em 1998 e Cannavaro em 2006.

O QUE PODE ACONTECER NA RÚSSIA?

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo está muito acima do nível de qualidade dos demais jogadores da seleção de Portugal, o que acaba “isolando” o craque. No Real Madrid, o camisa 7 é amparado por um timaço, o que acaba facilitando as coisas para ele. Desta forma, a participação de CR7 na Copa do Mundo é uma incógnita. Ele tem grandes chances de “decidir”, mas se isso não acontecer, não será surpresa.

Leo Messi

Não podemos esquecer que a Argentina foi finalista na última Copa, em 2014, no Brasil. Messi esteve em campo contra a Alemanha e deixou o Maracanã frustrado com o segundo lugar. Só que agora as coisas podem ser diferentes. O craque do Barcelona está no auge da maturidade e experiência, e além disso, a seleção dos “hermanos” tem bons jogadores e está com obsessão para levar o título da Copa da Rússia. Com este cenário, o camisa 10 tem tudo para ser “o cara” desta Copa.

Neymar

Neymar voltou a jogar com tudo após ficar três meses parado se recuperando de uma lesão. Talentoso e capaz de decidir uma partida com facilidade, o camisa 10 do Brasil chega ao Mundial com sede de gol e fome de vencer. Mas por outro lado, o desequilíbrio emocional e a maturidade que ainda o falta pode ser um complicador. Só que a seleção brasileira tem uma equipe forte e sólida, e é a favorita para conquistar o Mundial.

Salah

A seleção do Egito definitivamente não está entre as melhores da Copa da Rússia. Mas o talento de Salah pode colocar a equipe dele em destaque no Mundial. Se conseguir se recuperar bem da lesão no ombro, o atacante tem tudo para ser um dos principais jogadores da competição. Vale lembrar que na Copa de 2010, o uruguaio Diego Forlán foi eleito o melhor jogador do torneio, e o time celeste não chegou à final. A Espanha venceu aquela Copa, diante da Holanda, na África do Sul.



Compartilhe