Esporte

CSA anuncia a rescisão de contrato com Régis


Fonte: Tribuna Hoje

26/02/2019 14h00

O CSA anunciou, por meio de nota oficial, a rescisão de contrato do lateral Régis. O clube agradeceu os serviços do atleta de 29 anos, mas após se reunir com o mesmo no final da última segunda-feira (25), foi acertado o encerramento do vínculo que duraria até o final de 2019. O clube lançou nota oficial em suas redes sociais e no site oficial comunicando a decisão.

“O Centro Sportivo Alagoano comunica que o atleta Régis Ribeiro de Souza não faz mais parte do elenco Azulino. O Clube agradece os serviços prestados e deseja muita sorte no decorrer da carreira.”, em um sucinto comunicado.

ENTENDA O CASO

O lateral Régis, do CSA, se envolveu e um incidente policial na noite do último domingo. O atleta esteve em uma confusão, em um motel de Maceió. As informações sobre os motivos desta situação não foram oficializadas nem pelo clube, nem pela autoridade policial. O delegado plantonista do domingo, Lucimério Campos, disse ao portal TNH1 que “o procedimento foi feito dentro da lei e comunicado ao judiciário, como de praxe. Houve a lavratura de um procedimento contra o jogador e o caso foi regularmente comunicado ao Juizado Especial Criminal da Capital. A funcionária do motel foi ouvida como testemunha. Não houve por parte de nenhum estabelecimento denúncia de dano ao patrimônio privado”, revelou o delegado.

O CSA tentou abafar o caso. Inicialmente o assessor de imprensa, Bruno Reis, informou que “não procede. Regis está bem. Na casa dele. E o clube não vai se pronunciar, pois não procede”. Mas em seguida, com a confirmação do dirigente Raimundo Tavares que realmente houve uma ocorrência policial, o assessor publicou a seguinte nota:

“O CSA foi comunicado de um incidente com o atleta Régis Ribeiro de Souza na madrugada desta segunda-feira em Maceió. O clube, através do Presidente do Conselho Deliberativo e integrante do Conselho Gestor do futebol, Raimundo Tavares está tratando do assunto internamente, e tomando as providências”.

Nada mais foi dito pelo clube do Mutange. O presidente Rafael Tenório conversou com Tavares para tomar algum posicionamento com o jogador. Ano passado Régis teve o contrato rescindido pelo São Paulo por causa de problemas pessoais. Meses depois, quando treinava pelo Brasiliense, o jogador chegou a ser preso sob suspeita de tentar invadir o apartamento de um vizinho. Ele já admitiu ser usuário de drogas, mas negou o vício.

PROGRAMAÇÃO

Ontem foi folga. Hoje também. Amanhã (quarta) acontece a reapresentação. Tem trabalhos até sábado com a realização de um jogo-treino no CT Gustavo Paiva. Depois folga no domingo. O próximo jogo oficial do CSA é contra o CRB, pela Copa do Nordeste. Os valores de ingressos ainda não foram definidos pela direção do clube azulino, que é o mandante do clássico.



Compartilhe