Geral

MP solicita que PC apure quem são autores de notícias falsas sobre o bairro do Pinheiro


Fonte: G1 Alagoas

21/02/2019 16h03

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE) enviou, na última segunda-feira (18), um ofício à Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), da Polícia Civil, solicitando que seja instaurado Inquérito Civil para investigar a autoria de informações consideradas falsas sobre a situação no Pinheiro. O documento foi assinado pelos cinco membros da instituição ministerial que integram a comissão, designada pelo procurador geral de justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, para acompanhar a situação do bairro.

“A intenção é descobrir quem são autores dessas notícias falsas, que conhecemos como “fake news”. É preciso que a Polícia Civil apure e descubra quem criou esses áudios, que só fazem piorar uma situação que já é grave por si só”, disse o promotor de justiça e coordenador do centro de Apoio às Promotoria de Justiça, José Antônio Malta Marques.

Ele ainda acrescentou que descobertos, os responsáveis serão denunciados. “Uma vez apontados pela polícia e provado a culpa, podemos instaurar o procedimento cabível nesta situação e faremos a denúncia para que a justiça puna quem cometeu o crime”, disse.

Além de Malta Marques, titular da 49º Promotoria de Justiça da Capital, fazem parte da comissão os promotores de justiça Max Martins, da 1º Promotoria de Justiça da Capital, Jorge Dórea, 14º Promotoria de Justiça da Capital, Adriano Jorge Correia, 2º Promotoria de Justiça da Capital e Jomar Amorim, da 61º Promotoria de Justiça da Capital.

 


Compartilhe