Geral

Alagoas teve três óbitos por H1N1 e 56 casos confirmados em apenas um ano


Fonte: Gazeta Web

16/03/2019 14h10

Em 2018, Alagoas teve três óbitos e 56 casos confirmados de Influenza. Nessa estatística não entra dezembro do ano passado e nem os primeiros meses de 2019, já que o Ministério da Saúde mudou a plataforma que contabiliza os dados.

No ano passado, o mês com maior número de casos de Influenza (H1N1) foi maio, com 35 registros da doença. 

"Os dados referentes a dezembro não foram computados porque o Ministério da Saúde criou uma nova plataforma para o Sinan Web e ainda está migrando todos os dados", informou a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). 

Segundo o portal do Ministério da Saúde, a influenza ou gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório, ocasionada pelo vírus influenza, com elevado potencial de transmissão. Inicia-se com febre, dor muscular, e tosse seca. Em geral, tem evolução por período limitado, em geral de um a quatro dias, mas pode se apresentar forma grave. 

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferta a vacina que protege contra os tipos A e B do vírus. Propaga-se facilmente e é responsável por elevadas taxas de hospitalização. Idosos, crianças, gestantes e pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, ou imunodeficiência são mais vulneráveis aos vírus.



Compartilhe