Interior

Governo declara situação de emergência em Piranhas por 180 dias


Jornal de Alagoas

07/08/2018 10h29

Além do municipio ter sido incluído na lista de cidades em situação de emergência por causa da seca que Renan Filho assinou, a prefeitura declarou situação de emergência por 180 dias por cauda da estiagem. 

Segundo a prefeita Maristela Sena Dias, é necessário a adoção de medidas urgentes do governo afim de garantir a água potável para as famílias da agricultura familiar. 

Apesar de declarar situação de emergência apenas agora, Maristela diz que o municipio sofre com escassez de chuva desde 2018. O que é prejudicial a economia da região, pois o maior negócio é a agricultura de subsistência. 

A prefeita autorizou a convocação de voluntários para reforçar as ações contra ao desastre e realização de campanhas de arrecadação de recursos junto à comunidade, para facilitar as ações de assistência à população.



Compartilhe