Interior

Setembro Amarelo: caminhada pede por atenção à vida


Fonte: Prefeitura de Arapiraca

11/09/2018 09h21

A linha que separa a vida da morte é a da sensibilidade. Com esse tema, jovens seguraram cartazes com mensagens de otimismo que exaltava o amor e respeito à vida pelas ruas do Centro de Arapiraca na tarde desta segunda-feira (10). A caminhada, organizada pela Coordenadoria Municipal da Rede de Atenção Psicossocial, da Secretaria Municipal de Saúde, buscou derrubar tabus e preconceitos em torno do suicídio.

“A ideia da campanha Setembro Amarelo é discutir o assunto e divulgar ações preventivas, bem como ajudar as pessoas a identificar e auxiliar quem está mentalmente doente. Para prevenir o suicídio, é preciso conversar sobre o assunto. No Brasil, o tema não é tão abordado e estamos falando aqui da importância de escutar mais o outro”, declara Glifsson Magalhães, secretário de Saúde do município.

Ter empatia, oferecer ajuda, fazer a pessoa se sentir acolhida, ajudar a lembrar quem tem pessoas na vida dela que ela pode acionar, como membros da família ou colegas de trabalho é o que a coordenadora da Rede de Atenção Psicossocial, Edna Veríssimo, destaca. “A caminhada é um pontapé inicial do projeto e é um momento para chamar a atenção da sociedade para que todos entendam como é importante prevenir e ajudar, nunca criticar ou julgar. Pretendemos prolongar as ações até o mês de dezembro com palestras e ações nas escolas, empresas e locais solicitados”, ressalta a coordenadora da Rede de Atenção Psicossocial.

Com concentração na Praça Luiz Pereira Lima, a ação do Setembro Amarelo mobilizou cerca de 120 pessoas e atraiu muitos olhares curiosos. Ao término, os participantes se reuniram no Mercado do Artesanato Margarida Gonçalves e acompanharam apresentações de um grupo de jovens da Fundação Alcance, uma peça do Grupo de Educação em Saúde da Promoção da Saúde (Gesps).

Entre os apoiadores das atividades do Setembro Amarelo, elaboradas pela Rede de Atenção Psicossocial de Arapiraca, o Conselho Regional de Psicologia, Projeto João Lucas, Projeto Sementes, Fundação Alcance, Equipe do grupo Informação, Educação e Comunicação – Departamento de Promoção à Saúde, Centro de Amor à Vida (Cavida), Centro de Valorização à Vida (CVV) e Secretarias Municipal de Saúde, Desenvolvimento Social, Educação e Esporte.

Setembro Amarelo

O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio, com o objetivo de alertar a população a respeito da realidade deste problema de saúde pública no Brasil e no mundo e suas formas de prevenção. Ocorre no mês de setembro desde 2014, por meio de identificação de locais públicos e particulares com a cor amarela e a ampla divulgação de informações. Espera-se que, com a conscientização, as pessoas fiquem mais atentas e consigam identificar quem precisa de ajuda. Com apoio certo, estima-se que 90% dos casos podem ser prevenidos.



Compartilhe