Justiça

MP/AL anuncia novas operações contra sonegadores fiscais


Fonte: Redação com Alagoas 247

28/09/2017 10h05

Três grandes operações de combate a sonegação fiscal, inclusive com pedidos de prisão, estão em andamento no Estado para prender os sonegadores, segundo anunciou na manhã desta quarta-feira, 27, o Procurador Geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça.

Segundo Gaspar, as operações não são direcionadas para pegar sonegador “pé de chinelo, mas os grandes sonegadores do Estado”. O procurador falou em entrevista ao jornalista Rogério Costa, na Rádio Gazeta.

Disse ele que ações de combate ao crime organizado e sonegação de impostos – há ações muito efetivas em vários municípios – estão sendo realizadas em decorrência de investigações conjuntas com o Gecoc e investigações isoladas nas promotorias.

Concurso – Alfredo Gaspar disse ainda que o Ministério Público Estadual (MPE) tem atualmente uma defasagem de  50% de servidores públicos, além de estar com 43 promotorias públicas vagas, por que não tem  orçamento para nomear.

Ele destacou ter feito um pelo ao governador para resolver o problema e que este assumiu o compromisso de atender as demandas para as soluções estruturantes do MPE. Em um primeiro momento, disse que essas demandas geram impacto de 14% no orçamento da instituição.

Caso Beltrão – Alfredo Gaspar disse que o Ministério Público já denunciou o réu João Beltrão por homicídio, que é deputado estadual, três vezes. Observou que o processo mais recente é do caso Dimas Holanda.



Compartilhe