Justiça

Acusado de matar morador de rua é condenado a mais de 11 anos de prisão


Fonte: Dicom/TJ - AL

14/04/2018 13h08

O Tribunal do Júri da 7ª Vara Criminal da Capital condenou a 11 anos, quatro meses e cinco dias de prisão, o réu Thalles Ferreira Santos,pelo homicídio triplamente qualificado contra Isaqueu da Silva, em março de 2011, no bairro da Ponta Verde, em Maceió. O acusado deverá cumprir a pena em regime inicialmente fechado. O julgamento foi conduzido pelo juiz Sóstenes Alex Costa de Andrade, titular da unidade, na tarde dessa quinta-feira (12).

De acordo com a denúncia do Ministério Público, em março de 2011, em frente a uma agência bancária, no bairro da Ponta Verde, Thalles teria desferido diversos golpes com um paralelepípedo contra a cabeça de Isaqueu da Silva, enquanto a vítima dormia.

Segundo testemunhas, vítima e acusado já teriam trocado agressões físicas antes do crime, sendo conhecida a inimizade entre eles. Além disso, consta na denúncia que ambos seriam usuários de entorpecentes e Isaqueu da Silva costumava praticar desordens e danos a terceiros.

No julgamento, a defesa sustentou que o acusado teria agido sob a influência de violenta emoção, provocada por ato injusto da vítima, a fim de diminuir a pena do réu.

Matéria referente ao processo nº 0039052-86.2011.8.02.0001



Compartilhe