Justiça

Acusado de matar homem após discussão em partida de videogame é condenado


Fonte: Dicom TJ/AL

26/07/2018 09h24

O Conselho de Sentença do 1º Tribunal do Júri de Maceió condenou Ernande Gomes da Hora a 15 anos de reclusão, em regime inicialmente fechado, pela morte de Alex Nascimento Garcia, ocorrida em abril de 2003, no Conjunto Frei Damião, no bairro Benedito Bentes, na Capital. O júri popular foi conduzido pelo juiz Sóstenes Alex Costa de Andrade, titular da 7ª Vara Criminal, na tarde desta quarta-feira (25), no Fórum do Barro Duro. 

De acordo com a denúncia do Ministério Público, a vítima teria sido convidada por Ernande, conhecido como "Sorriso", para jogar videogame na casa de um rapaz conhecido como Freitas. Lá, o réu teria iniciado uma briga durante uma partida e Alex tentou intervir na discussão. “Sorriso” teria ficado “revoltado” com a atitude da vítima e, por isso, atirou várias vezes em sua direção.

A acusação foi feita pela promotora Lídia Malta. Já a defesa do réu teve à frente o defensor público Marcelo Arantes, que sustentou a tese de negativa de autoria por insuficiência de provas. 



Compartilhe