a Quase 400 acidentes registrados em Rodovias federais que cortam Alagoas | Jornal de Alagoas

Municípios

Quase 400 acidentes registrados em Rodovias federais que cortam Alagoas


Fonte: Gazeta Web

21/08/2019 12h25

Estatística da Polícia Rodoviária Federal (PRF) aponta que, em 2019, ocorreram quase 400 acidentes de trânsito em vias federais que cortam Alagoas, deixando 156 feridos graves. A BR-101 foi a mais perigosa, concentrou 180 ocorrências, seguida da BR-316 com 114 e perto de 70 na BR-104. 

Um dos trechos mais perigosos da BR-101, em Alagoas, passa pelo município de São Miguel dos Campos, que teve 15 feridos graves em acidentes. Pilar vem na sequência, com oito pessoas. Joaquim Gomes e Messias concentraram cinco vítimas, em cada uma das localidades, no período de janeiro até esta terça-feira (20). 

Em Atalaia, que fica na BR-316, segunda rodovia federal mais perigosa, dez pessoas ficaram feridas em acidentes este ano e outras nove vítimas em Palmeira dos Índios. Já na BR-423, considerada uma das menos violentas de Alagoas, teve Delmiro Gouveia, que deixou 8 com lesões. 

Em Alagoas, somente no primeiro semestre deste ano, 311 corpos de vítimas de acidentes de trânsito foram recolhidos pelas equipes do Instituto Médico Legal (IML) de Maceió e de Arapiraca. 



Compartilhe