Negócios

Maior indústria de AL, Braskem será vendida para grupo holandês


Redação
Fonte: Jornal de Alagoas

16/06/2018 21h30

Considerada maior empresa na área industrial em operação no estado de Alagoas, a Braskem, que é controlada pela Odebrecht e tem forte participação acionária da Petrobrás, deve trocar de mãos. A negociação da venda do controle da Braskem para a LyondellBasell foi comunicada ao mercado nessa sexta-feira, 15, através de fato relevante.

Atualmente a Braskem tem 40 unidades industriais espalhada em vários países do mundo. Destas, 29 estão no Brasil e 3 em Alagoas. No estado, as plantas industriais da multinacional que foi colocada à venda esta semana, estão instaladas no Pontal da Barra, em Maceió (fábrica de cloro e soda) e no polo José Aprígio Vilela, em Marechal Deodoro (duas fábricas de PVC, entre outras unidades). O faturamento da Braskem, no ano passado, foi de R$ 54 bilhões.

Lava Jato

A Braskem anunciou nessa sexta-feira (15) que sua controladora, a Odebrecht S.A., iniciou negociações para vender a totalidade da sua participação na petroquímica para a holandesa LyondellBasell”.

Segundo o fato relevante divulgado pela companhia ao mercado, “as negociações estão em estágio preliminar e foi concedida exclusividade à LyondellBasell no âmbito das tratativas, que são regidas por acordo de confidencialidade”.

De acordo com a Braskem a conclusão do negócio está sujeita, dentre outras condições, “a due diligence, negociação dos contratos definitivos e obtenção das aprovações societárias, não existindo, nesta data, qualquer obrigação vinculante entre LyondellBasell e Odebrecht S.A.”.

Atualmente a Braskem é controlada pela Odebrecht, que possui 50,1% das ações com direito a voto. A Petrobras possui 47% do capital votante da petroquímica.



Compartilhe