a Duas novas empresas chinesas irão investir em AL | Jornal de Alagoas

Negócios

Duas novas empresas chinesas irão investir em AL


Fonte: Agência Alagoas

30/07/2019 14h34

Além dos dois investimentos já anunciados para Alagoas - instalação da GSPak e ampliação da planta da empresa ZTT, o Governo do Estado iniciou as tratativas para trazer outras duas empresas para cá: a GDH Supertime Malting Company Limited e aCPIC.

“Captamos dois novos negócios que estão em andamento. É óbvio que a gente ainda vai ter que trabalhar bastante, mas um diz respeito a uma indústria de malte para vender o produto às cervejarias do Nordeste e o outro, a uma empresa que produz peças de automóveis e hélices para turbinas de energia eólica, tudo isso com fibra de vidro”, afirma o governador Renan Filho.

GDH Supertime Malting Company Limited é um dos principais produtores comerciais de malte na Ásia, integrante do conglomerado CDH Limited, uma subsidiária da Guangdong Holdings Limited (GD Holdings). O grupo é, atualmente, o maior da província de Guangdong que opera fora da China continental.

Já a CPIC Brasil é a terceira maior fabricante de fibra de vidro do mundo. Com plantas de produção na China, Bahrein e aqui no país, além de companhias de vendas e distribuição na Europa, Rússia e nos Estados Unidos, o CPIC deseja se instalar no Nordeste brasileiro, mais precisamente em Alagoas, com o objetivo de atender o mercado local e também servir de plataforma de exportação.

Alagoas Summit

A Missão China durou cinco dias. Na segunda-feira (22), em Pequim, e na quinta (25), em Xangai, o Governo do Estado promoveu o Alagoas Business Summit. O objetivo do evento foi prospectar investimentos e reforçar os laços econômicos de Alagoas com o país asiático. As duas edições reuniram, em média, 220 investidores.

“Essa foi uma missão que mostrou Alagoas para o mundo e que, sem dúvidas, atingiu as expectativas. As portas de Alagoas se abriram para o mundo e as portas do mundo se abriram para Alagoas”, avaliou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito.

Foi durante o Alagoas Summit que a empresa GSPak, fabricante chinesa de embalagens longa-vida, anunciou um investimento de R$ 187 milhões na instalação de uma fábrica em Rio Largo. O novo empreendimento vai gerar cerca de 400 empregos.

Além disso, a empresa ZTT, fabricante chinesa de cabos de fibra óptica, vai dobrar a capacidade da sua planta em Alagoas, localizada no Polo Multissetorial José Aprígio Viela, em Marechal Deodoro. A empresa chegou ao estado em 2015, por meio da política de atração de novos investimentos.

“Estamos iniciando o nosso retorno depois de cinco dias de muito trabalho aqui na China, onde passamos por quatro cidades com eventos bastante produtivos e com dois anúncios significativos”, observou Renan Filho.



Compartilhe