Política

Veja quem é o deputado de Alagoas na disputa da presidência da câmara contra Maia


Fonte: Blog do Edivaldo Junior

08/01/2019 15h51

Entre os deputados que assumem o mandato no próximo dia 10 de janeiro, João Henrique Caldas, do PSB, lançou candidatura independente á presidência do Legislativo em novembro do ano passado. Do outro lado, JHC lutando na disputa,mas com poucas chances no momento, mesmo assim aposta numa surpresa. 

O deputado federal Arthur Lira, do PP é mais um provavel nessa disputa. Na semana passada, “rompeu” com o atual presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia, DEM-RJ, e vem articulando uma frente de oposição.

Com sua influencia na Casa, Lira que é considerado um dos líderes do chamado Centrão, tem dado sinais de que pode entrar na disputa e deve lançar sua candidatura já na próxima quarta-feira (9).

O “rompimento” com Maia foi anunciado por Lira numa entrevista a Folha de São Paulo. Leia aqui: PP está fora do bloco com Maia, diz líder do partido

A bancada de Alagoas na Câmara dos Deputados é uma das menores do Brasil. São 9 entre 513 parlamentares ou menos de 2% dos assentos da Casa. Ainda assim, mantém a tradição de influenciar nas decisões do Legislativo brasileiro.

 

Ex-ministro também busca protagonismo

O ex-ministro do Turismo não tem dado sinais de que pretende disputar nenhum cargo na mesa diretora da Câmara dos Deputados. O deputado federal Marx Beltrão, no entanto, busca manter sua influência no Congresso Nacional. Ele já deu sinais de que pretende convocar o ministro da Economia, Paulo Guedes, para “explicações” em plenário. A informação é da coluna Expresso, da revista Época. Leia:

Como declaração de Guedes irrita ex-ministro de Temer

O deputado federal Marx Beltrão (PSD-AL) cogita até convidar o economista para dar explicações sobre desvinculação de recursos

Durante sua posse na semana passada, o ministro da Economia, Paulo Guedes , disse que há alternativas caso a reforma da Previdência não seja aprovada. Citou a possibilidade de desvincular recursos orçamentários como forma de melhorar as contas públicas. A declaração foi mal vista por alguns congressistas. Ex-ministro do Turismo, Marx Beltrão (PSD-AL) afirma que a ideia de Guedes é ruim porque prejudicaria investimentos em “áreas sagradas como Educação e Saúde” e cogita até convidar Guedes para dar explicações na Câmara. O PSD, cujo maior expoente é o ex-ministro Gilberto Kassab, conta com 34 deputados. É, ao lado do MDB, a quarta maior bancada da Câmara.



Compartilhe