a Marx Beltrão critica falta de apoio aos moradores do Pinheiro | Jornal de Alagoas

Política

Marx Beltrão critica falta de apoio aos moradores do Pinheiro


Fonte: Cada Minuto

29/11/2019 13h06

O deputado federal Marx Beltrão (PSD), coordenador da bancada alagoana no Congresso Nacional e relator da Comissão Externa da Câmara dos Deputados que investiga o caso do afundamento dos bairros do Pinheiro, do Bebedouro, do Mutange e do Bom Parto, avaliou como positivo o suposto início das negociações da empresa com os moradores do Mutange. Mas o deputado também criticou com firmeza a não resolução do caso dos moradores do Pinheiro, em especial dos que já desocuparam seus imóveis e vivem hoje com aluguel social, a chamada “ajuda humanitária”.

"Queremos saber quando os moradores do Pinheiro que já saíram de suas casas serão indenizados. São pessoas que deixaram seus imóveis, suas memórias, e foram obrigadas a viver com aluguel social, chamado ironicamente de ajuda humanitária. De humanitário o tratamento a estas pessoas não tem é nada. Humanitário não é depositar R$ 1 mil por mês e deixar milhares de pessoas no vácuo de informações. Humanitário é debater, conversar, acolher, lutar, encontrar soluções juntos. Se omitir, se esconder, negar o que é evidente e cientificamente comprovado, e se esquivar, nada tem de humanitário. E mais: enquanto o povo está nas ruas exigindo respeito e garantia de seus direitos, a Braskem e as autoridades tomam decisões no ar condicionado dos seus gabinetes, sem dar satisfação a quem mais importa” criticou Beltrão. 



Compartilhe