a Santa Ritta: política tem de ser feita de gente | Jornal de Alagoas

Política

Santa Ritta: política tem de ser feita de gente


Fonte: Blog do Edivaldo Júnior

12/01/2020 15h07

A “velha” e a “nova” política tem um encontro marcado não o dia 4 de outubro em Maceió. O discurso de renovação, que ajudou a eleger o senador Rodrigo Cunha (PSDB) e deu a João Henrique Caldas (PSB) a maior votação para a Câmara dos Deputados, terá presença marcante no nas eleições municipais de todo o Estado, especialmente nas maiores cidades.

E não falo apenas de JHC, já lançado pré-candidato a prefeito da capital pelo presidente nacional de seu partido, Carlos Siqueira.

Empresário, formado em direito e administração, com passagem por Brasília, Ricardo Santa Ritta teve seu nome confirmado como pré-candidato a prefeito de Maceió no último sábado, 11, durante evento que será realizado a partir das 15, no Hotel Ritz Lagoa da Anta.

Ricardo é um dos poucos políticos alagoanos a passar pelo crivo do Renova BR (movimento que dá o tom na ‘nova política’ e prepara candidatos em todo Brasil para eleições nacionais, estaduais e municipais) e aposta em novos métodos para fazer política.

Além das redes sociais, o pré-candidato do Avante tem procurado “sentir na pele” os problemas dos maceioenses, fazendo viagens de ônibus em horário de pico em e testando a qualidade de diferentes serviços públicos.

Na sequência da série sobre os pré-candidatos em Maceió, conversei por aplicativo com o pré-candidato. Veja o que diz Ricardo Santa Ritta:

“O Avante me convidou para ser pré-candidato a Prefeito de Maceió para que possamos liderar um debate em torno da construção de um Plano de Ação para Maceió.Acredito que este momento devemos nos ater ao debate político de buscar soluções aos problemas da sociedade e da cidade.”, aponta

Ricardo diz ainda que “Iremos fazer o Encontro Estadual do Avante no próximo dia 11 (neste sábado). A partir daí montaremos uma agenda de diálogo com lideranças políticas. Sejam partidárias ou de entidades de representação demográfica ou territorial.”

O pré-candidato adianta que “em paralelo estamos construindo uma chapa de vereador buscando o perfil de líderes que tenham experiência e sejam adeptos às novas práticas da política. Primeiro vamos construir o debate em torno das pautas. Agregando pessoas. Política tem de ser feita de gente.”
“Acredito nas alianças de convergência em torno de ideias, projetos de políticas públicas e ações que resultem em soluções. A nova ordem política demanda isso.”, encerra Santa Ritta .



Compartilhe