Pop & Arte

Festival de Cultura Popular da 19° Feira da Reforma Agrária traz mais de 20 atrações em Maceió


Fonte: Por Brunna Moraes Da Comunicação da Feira da Reforma Agrária

06/09/2018 09h28


A cultura popular alagoana tem lugar garantido na Feira da Reforma Agrária em Maceió e na sua 19° edição não seria diferente. Esse ano o evento é contemplado com dois palcos na Praça da Faculdade, no bairro do prado, onde serão apresentadas as atrações da cultura do povo. De 05 a 08 de Setembro, o Festival de Cultura Popular vem com mais de 20 atrações numa programação recheada de música, dança, sabores, teatro e manifestações populares. 

 

A novidade desse ano é o Palco Raquel Xukuru-Kariri, em homenagem à liderança indígena de alagoas, que faleceu no mês de junho. A homenagem resgata a história de luta e resistência do povo Xukuru-Kariri e reafirma o papel da cultura na luta pela terra.

 

As atrações se concentram também no palco da Praça Central, onde as atividades começarão a partir das 18 horas durante todos os dias do evento. 

 

Com a presença do Patrimônio Vivo da Cultura Alagoana, Zeza do Coco, a abertura oficial da Feira da Reforma Agrária está programada para esta quarta-feira (05), a partir das 18h, no palco Praça Central com a apresentação do grupo Afro Dendê e o Trio Gogo da Ema para abrilhantar a noite. Ainda formando a programação do Festival desse ano, passam pela Feira o Bumba-Meu-Boi Vingador, Coco de Roda Xodó Nordestino, além do artista do MST Bento Forrozeiro. 

 

Para além dos palcos, o espetáculo da cultura popular acontece durante no cotidiano da Feira. Carregada de tradição, sua 19° edição traz a expressão popular no artesanato, na poesia, nos costumes, nas músicas e no semblante de quem faz esse evento acontecer. 

 

Alimentando a cidade com saúde, a Feira da Reforma Agrária abraça a cultura popular como ponto importante de transformação. Para Débora Nunes, da coordenação nacional do MST, a cultura é umas das prioridades na realização da Feira, não podendo assim se limitar apenas a comercialização de alimentos. 

 

“A ideia é poder dizer à população alagoana que aqui tem um pedaço da Reforma Agrária. É isso que a gente quer enquanto projeto e modelo de sociedade, e a cultura faz parte. A gente entende que cultura é um elemento humanizador e emancipador, por isso essa dimensão precisa ser trazida pra Feira.”, explicou. 

 

Veja a programação completa do Festival de Cultura Popular:

 

Quarta-feira (05)


Palco Raquel Xukuru-Kariri:


Grupo Abanos do Forró

Aboiadores da Reforma Agrária


Palco Praça Central
:
Afro Dendê
Zeza do Coco

Trio Gogó da Ema


Quinta-feira (06)

Palco Raquel Xukuru-Kariri:


Clowns de Quinta 

Natalhinha Marinho e Palhaço Norys

Mamulengo Kfundó


Palco Praça Central:


Bumba-Meu-Boi Vingador

Coletivo AfroCaeté

Rogério Dyaz e a Trincheira

Fidellis e Cabrueira


Sexta-feira (07)


Palco Raquel Xukuru-Karir:


Alice Gorete

Slam Nós Por Nós


Palco Praça Central
:

Coco de Roda Xodó Nordestino

Maracatu Baque Alagoano

Nação Palmares

Bento Forrozeiro com Jonas Vaqueirinho


Sábado (08)


Palco Praça Central:


Mel Nascimento

La Poli & Cia

Segura o Coco

Edi Ribeiro



Compartilhe