a Vale Rico realiza 2ª Vaquejada do Milhão e Leilão | Jornal de Alagoas

Rural

Vale Rico realiza 2ª Vaquejada do Milhão e Leilão


Fonte: Assessoria

07/11/2019 09h56

O Parque Vale Rico abre suas portas de 27 de novembro à 1º de dezembro para receber as emoções da Vaquejada do Milhão, shows e o 4º Leilão Vale Rico. O evento, que é promovido pelo criador Cícero Andrade, retorna ainda mais forte em 2019 e promete premiação superior a R$ 1 milhão.

O espaço de 390 mil metros quadrados, que fica localizado no município do Pilar já está pronto para receber mais de mil competidores e criadores. Em 2018, o evento movimento R$ 30 milhões em negócios e leilões. Para esse ano, segundo o Cícero Andrade, a expectativa é que o evento  cresça 20%.

“A Vaquejada vem muito forte e pronta para oferecer uma experiência inédita aos competidores, com ampla estrutura de duas pistas que vão estar funcionando simultaneamente para competição entre dez categorias”, revelou Andrade.

Enquanto as equipe de vaquejada se esforçam para derrubar o boi na faixa, o público visitante do evento terá atrações culturais com apresentação musical de artistas da terra, quadrilhas e grupos culturais. Já o público infantil, poderá visitar os animais em exposição e fazer um passeio com os animais da fazendinha, além do parque de diversão. Atrações nacionais como Mano Walter, Solange Almeida, Peruanno e Devinho Novais vão agitar  a noite de show, no sábado, 30.

“A Vaquejada do Milhão tem o propósito de  humanizar o ambiente da vaquejada enquanto manifestação cultural e prática esportiva que movimenta a economia e gera empregos diretos e indiretos nos municípios”, advertiu Andrade.

O hall de negócios do evento será outro atrativo para pecuaristas e empresários. Produtos e serviços serão negociados nos estandes de empresas da agropecuária e do setor automotivo.  A entrada no Parque custará R$ 2,00.

Para o mercado de vaquejada, o evento  terá  o Leilão Vale Rico como espaço oficial de comercialização da raça quarto de milha, no sábado, 30 de novembro, 16h,  no tatersal do Parque. A seleção traz 48 lotes de animais  de genética de vaquejada, com potras, potros e matrizes de gerações de 2016 a 2018. “A tropa está pronta, uma das melhores que tivemos no ano. Uma das novidades é oferta de de produtoras e campeãs de vaquejada além de embriões de doadoras campeãs. É um leilão misto, bem formatado, entre produção de éguas de cria e com a maioria de filhos do garanhão Diego Steel que é considerado um dos melhores do País”, explicou o assessor do leilão,  Beto Duwel. 



Compartilhe