Rural

Conab: AL deve moer na safra 20/21 de 17,5 mi de toneladas


Fonte: Assessoria

08/05/2020 09h20

O 1º Levantamento da Safra 20/21 de cana-de-açúcar, divulgado, esta semana, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), com as estimativas para a próxima moagem, aponta que Alagoas deverá ter um incremento na produção, passando de 292 mil hectares em 19/20 para 295,2 mil hectares.

Segundo a Conab, as condições climáticas registradas, até o momento, estão favoráveis ao desenvolvimento da cultura da cana no Estado, ampliando a perspectiva de aumento de produção, que deve passar dos 17,5 milhões de toneladas.

Quanto à destinação da cana-de-açúcar colhida, o estudo aponta que o setor deve promover um maior direcionamento à fabricação de açúcar em relação ao etanol, podendo gerar mais de 1,6 milhão de toneladas do primeiro subproduto, além de 332,1 milhões de litros do biocombustível.

De acordo com o documento, a previsão para o início da moagem em Alagoas seria a partir de agosto. Contudo, o estudo reforça ainda que as unidades industriais estão planejando suas estratégias considerando as oscilações de mercado e os possíveis impactos econômicos causados pela pandemia do coronavirus.

Nordeste 

Já no Nordeste o levantamento aponta que é estimado um crescimento de 2% na área plantada. Quase todos os estados produtores da região sinalizaram aumento em suas áreas colhidas, fazendo com que a estimativa chegasse a 861,4 mil hectares.

Contudo, é esperada uma redução na produtividade média de 3,5% e na produção de 1,6%, resultando em um volume 1,1% menor em comparação a moagem 19/20, totalizando 48,4 milhões de toneladas.



Compartilhe