Turismo e Gastronomia

Taxa de ocupação no feriadão de 1º de Maio ultrapassou 70%


Fonte: Ascom Semtur

07/05/2018 17h00

Destaque entre os destinos nacionais e em expansão no mercado internacional, Maceió segue com indicadores positivos no setor turístico. Neste feriadão do Dia do Trabalhador, que para muita gente rendeu quatro dias de folga, a taxa de ocupação dos hotéis na capital alagoana registrou 74% – número 12% maior se comparado ao mesmo período do ano passado. A informação foi repassada pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) em Alagoas à Secretaria Municipal de Turismo (Semtur) e leva em conta os 64 empreendimentos associados, que somam 6.635 mil unidades habitacionais e 14.291 leitos.

Não é à toa que a cidade com a orla mais bonita do Brasil chama a atenção de turistas do mundo todo. Além das belezas naturais, a capital alagoana se destaca pelo moderno parque hoteleiro, grande vocação gastronômica e riqueza cultural. Todos estes atrativos, somados ao trabalho de promoção realizado pela Prefeitura de Maceió, em parceria com o trade turístico, levaram Maceió a ser escolhida por 320 agências de viagem como o melhor destino turístico do Brasil e o preferido dos brasileiros para as férias de julho.

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Jair Galvão, os indicadores mostram a força do setor turístico, que tem concentrado esforços para aumentar o fluxo de visitantes durante a baixa temporada. “Para este período de menor fluxo turístico, trabalhamos para incrementar as vendas juntos às operadoras de viagem nacionais e internacionais, expandir a malha aérea, como a conquista do voo direto da cidade argentina de Córdoba e outros voos regulares, criar novos produtos, como o São João, que torna o destino ainda mais competitivo, além do fortalecimento do turismo de negócios”, pontuou o gestor.

O desafio do segmento agora, segundo Galvão, é aumentar a diária média dos hotéis. “Como os valores das estadias diminuem durante a baixa temporada, temos que levar em conta a média de preço das diárias nos hotéis, que ainda precisa aumentar. Até agosto, nosso desafio é atrair turistas e alavancar a economia local”, destacou.

Quadra Chuvosa

Segundo dados do Instituto de Ciências Atmosféricas da Universidade Federal de Alagoas, a temperatura média da capital alagoana durante o restante da quadra chuvosa (maio, junho e julho) se mantém acima dos 25 graus, com piscinas naturais aquecidas o ano inteiro, o que torna o destino atrativo para turistas que enfrentam invernos mais rigorosos em outras regiões brasileiras, a exemplo do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, e países como a Argentina, o principal mercado emissor do Turismo de Maceió.



Compartilhe