Turismo e Gastronomia

Setor hoteleiro cobra estações elevatórias das praias


Redação com Agência

20/08/2018 09h07

A alta temporada de turismo em Maceió está perto mas as obras que pretendem limpar as linguas sujas das praias, ainda não acabaram. Em comunicado à imprensa, a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH-AL) informou que tem feito cobranças ao poder público desde o ano passado e que espera que as obras estejam prontas até outubro deste ano, conforme prometido pela Prefeitura.

A ordem de serviço para a construção das estações elevatórias foi assinada em março do ano passado, e o esperado era que ficassem prontas antes do verão. Será um total de 11 estações elevatórias, que estão sendo financiadas pelo IPTU, Braskem, Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi) e dos próprios hoteleiros. 

"Mais um verão se aproxima, e o setor turístico teme que as estações não estejam prontas e que, com isso, as línguas sujas continuem afastando as pessoas das praias da capital. As nossas praias são nosso principal cartão-postal, e precisamos oferecer ao turista o que temos de melhor. Quando ele chega e vê a praia com as línguas sujas, sai decepcionado. E não é esta propaganda que queremos do nosso Estado", ressaltou o presidente da ABIH-AL, Miltinho Vasconcelos.

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) teria informado que o prazo para a finalização das obras termina ainda no mês de outubro deste ano.



Compartilhe