Esporte

CSA vence Botafogo-SP e segue com boa posição na Série B


Fonte: Alagoas Alerta

21/10/2020 14h10

O CSA encarou um adversário difícil nesta terça, no Estádio Rei Pelé. Em Maceió, o Botafogo-SP fechou espaços, anulou as principais peças do adversário, mas Norberto definiu a parada aos 38 do segundo tempo. O lateral entrou na etapa final e foi muito bem na conclusão. Assim, o time alagoano venceu por 1 a 0 e chegou a 23 pontos na Série B. O Pantera continua na zona de rebaixamento.

Agenda

O CSA volta a jogar na próxima na próxima sexta. Visita o Brasil de Pelotas, às 19h15, no Bento de Freitas. O Botafogo-SP só entra em campo no domingo, às 20h30, contra o Vitória. Duelo está marcado para o Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. 

Como fica?

O CSA assumiu a sétima colocação na Série B com a vitória desta terça, agora com 23 pontos. Lutando contra o rebaixamento, o Botafogo-SP está na 18ª colocação, com 14.

Gol decisivo

O lateral Norberto estava em baixa no CSA. Perdeu a posição para Diego Renan, entrava em um jogo ou outro, mas estava longe de ser protagonista. Nesta terça, fez o jogo mais importante de sua passagem pelo clube até agora e fez o gol da vitória da equipe. 

Bolas na trave

O destaque da partida foi do Botafogo-SP. O atacante Rafinha deu muito trabalho à defesa do CSA: chutou de longe, se movimentou e acertou duas bolas na trave. Uma delas saiu aos 49 minutos do segundo tempo, numa cabeçada.

Primeiro tempo

Jogo começou a esquentar depois dos 15 minutos. Aos 16, Rafinha achou uma brecha na marcação do CSA e finalizou com muito perigo, assustando o goleiro Matheus Mendes. A resposta foi imediata. Aos 18, Diego Renan acertou um chutaço de longe e obrigou o goleiro do Botafogo a fazer uma grande defesa.

Rafinha, de novo ele, aproveitou uma falha de Luciano Castán e acertou o travessão do CSA, aos 33. Na sequência, Pedro Júnior, aos 34, exigiu uma boa intervenção do goleiro do Botafogo. Seis minutos depois, Paulo Sérgio acertou uma cabeçada para baixo, e Darley espalmou para escanteio.

Segundo tempo

O CSA não encaixou seu jogo ofensivo, e o Botafogo-SP foi se assanhando na etapa final. Aos 28, Rafinha finalizou de longe e Matheus Mendes defendeu.

Mozart mudou o ataque do CSA, promoveu a estreia do meio-campista Rodrigo Andrade, mas o jogo não fluía. Trocou também o lateral-direito Diego Renan, mais cansado, por Norberto, aos 20 minutos.

E foi justamente o lateral que fez o gol do time alagoano. Rodrigo Andrade deu um passe no meio da defesa, e Norberto se infiltrou na área para concluir, aos 38. Nos acréscimos, Rafinha, o destaque do Botafogo, cabeceou no travessão do CSA.

Foto: Ailton Cruz
Foto: Ailton Cruz
Foto: Ailton Cruz
Foto: Ailton Cruz
Foto: Ailton Cruz


Compartilhe