Geral

Em busca de respostas sobre a explosão, libaneses protestaram na manhã deste sábado


Fonte: G1

08/08/2020 14h30

A manifestação contra o governo do Líbano em Beirute que acontecia na manhã deste sábado (08), foi interrompida por policiais especializados em conter protestos. Foram jogadas bombas de gás na direção dos manifestantes que criticavam a forma como a administração pública tem gerenciado a cidade, após a explosão que ocorreu no início desta semana.

Cerca de 5.000 pessoas se reuniram no centro de Beirute, para cobrar do governo resposta sobre as mortes de 150 pessoas e do desaparecimento de 60 pessoas causadas pela explosão. Alguns manifestantes jogaram pedras contra o prédio do congresso. A polícia entrou em ação quando os manifestantes tentaram ultrapassar uma barreira que bloqueava o acesso ao edifício do Parlamento.

Munidos com faixas e cartazes que chamavam o governo de assassino, as pessoas que participavam do protesto pediam a "queda do regime".



Compartilhe