Política

Lula Cabeleira está fora das eleições em Delmiro Gouveia


Fonte: Blog do Edvaldo Júnior

14/12/2019 14h15

Segundo informações exclusivas do Blog do Edivaldo Júnior, as últimas pesquisas sobre as eleições de 2020 em Delmiro Gouveia mostram a preferência dos eleitores pelos nomes mais conhecidos da política do município: Lula Cabeleira e Padre Eraldo (nessa ordem).

O município tem ainda outros pré-candidatos a prefeito, entre eles Dr. Carlos e Renato Torres, que até o momento não pontuam bem.

Uma decisão do Superior Tribunal de Justiça – revelada nessa sexta-feira (13), pelo jornalista Ricardo Mota – pode mudar os rumos da es eleições no município do sertão.

“Foi concluído no último dia 8 de novembro o julgamento em última instância – o STJ – de uma Ação de Improbidade em que foi condenado o ex-prefeito de Delmiro Gouveia, Luiz Carlos Costa – o Lula Cabeleira. A principal condenação, na prática, foi a decretação da sua inelegibilidade por três anos, o que o impede – em tese – de disputar as eleições municipais do próximo ano.”

Em resumo, Lula Cabeleira foi condenado por improbidade em novembro de 2013 pelo juiz Antônio José de Carvalho Araújo, da 11ª Vara da Justiça Federal em Alagoas por conta de irregularidades na aplicação de recursos federais da Educação (fraude em licitações) e Ministério da Agricultura (Matadouro Municipal).

Após sucessivos recursos, sua pena (inelegibilidade) foi reduzida de 8 para 3 anos. Como a sentença do STJ já transitou em julgado, Cabeleira se torna inelegível até novembro de 2022.

A essa altura um recurso é possível, mas improvável de fazer qualquer efeito para as eleições do próximo ano.

A decisão tem um forte impacto nas eleições de Delmiro Gouveia e deixa o atual prefeito, Padre (que também responde a acusações na Justiça) em situação eleitoral mais confortável, já que Lula era apontado, até o momento, como favorito. 



Compartilhe