Política

Cinco candidatos a prefeitura de Arapiraca protocolaram registro no TRE


Fonte: Sete Segundos

22/09/2020 19h30

Até esta terça-feira (22), Arapiraca tem oficialmente cinco candidatos a prefeito nas eleições municipais. Cláudio Canuto (Patriota), Hector Martins (Cidadania), Luciano Barbosa (MDB), Odilon Tenório (PMN) e Tarcizo Freire (PP) já protocolaram os registros de candidatura no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e seus nomes e páginas pessoais já estão disponíveis na página do DivulgaCand.

odas as candidaturas a prefeito e a vice-prefeito de Arapiraca estão sob análise da Justiça Eleitoral, mas as páginas de informações sobre cada um deles já está disponível, incluindo a declaração de bens. Segundo dados das páginas, as chapas majoritárias terão limite legal de gastos de campanha no valor de R$ 2.237.191,48.

O DivulgaCand também trás as páginas dos candidatos a vice da chapa, além do registro de candidatura de 112 postulantes a uma vaga na Câmara Municipal de Arapiraca. O Avante e o PMN registraram uma chapa completa, com 29 candidatos cada. O Cidadania registrou oito candidatos a vereador, assim como constava na ata da convenção partidária, assim como o Patriota, que registrou 22 candidaturas e o PTC, com seis. Em ata, o PSDB informou que o partido teria 19 candidatos, mas o número de inscritos foi 17.

O Democratas, que integra a coligação “Para Arapiraca voltar a Crescer”, encabeçada por Luciano Barbosa (MDB), apresentou apenas uma candidatura proporcional, apesar de a convenção partidária ter decidido pela formação de uma chapa composta por 16 candidatos e nove candidatas à Câmara Municipal. Os demais partidos que integram a coligação: PSC, PL, PT e PC do B, não registraram candidaturas até agora. Desses, apenas o PC do B não deve apresentar candidatos nas eleições proporcionais.

O sistema também não trás nenhum registro de candidatura proporcional do MDB, que na ata da convenção municipal trazia 25 candidatos a vereador, incluindo os parlamentares Rogério Nezinho, Léo Saturnino e Fábio Henrique que iriam ou vão disputar a eleição. A situação desses candidatos deve ser judicializada, uma vez que o diretório estadual do MDB está tentando derrubar a ata da convenção municipal e a candidatura de Luciano Barbosa.

Até o momento, a vereadora Gilvânia Barros (Solidariedade) e a prefeita Fabiana Pessoa (Republicanos) não registraram as candidaturas. Elas têm até o próximo sábado (26) para protocolar o registro delas e de seus respectivos vices, seja pessoalmente na sede do Cartório Eleitoral em Arapiraca, seja pela internet.



Compartilhe