Política

JHC lidera nova pesquisa com um ponto à frente de Alfredo


Redação
Fonte: Jornal de Alagoas com Diário do Poder

13/10/2020 06h42

Na sexta-feira (9), a pesquisa do Ibope/TV Gazeta mostrou Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB) com 26% das intenções de voto, contra 25% do segundo colocado na disputa pela prefeitura de Maceió, o deputado federal JHC (PSB).  O levantamento do instituto Paraná Pesquisa em Maceió também revela empate técnico entre os dois à prefeitura da capital. 

No novo levantamento, no entanto, a posição entre os candidatos se inverteu, com JHC colocando um ponto percentual à frente de Alfredo Gaspar. A pesquisa foi divulgada pelo colunista Cláudio Humberto  no portal Diário do Poder nesta terça-feira (13). A estimulada, quando os entrevistados são confrontados com a lista dos candidatos, reforça o acirramento da disputa: JHC tem 26,9% das intenções de voto contra 25,9% de Alfredo Gaspar. 

O ex-prefeito Cícero Almeida (DC) aparece em terceiro lugar, com 9,1%, enquanto o candidato Davi Filho (PP) aparece a seguir com 4,1% das preferências do eleitorado maceioense. A candidata Lenilda Lula (UP) tem 2,1%, equanto Josan Leite (Patriotas) ficou com 1,9%, Ricardo Barbosa (PT) teve 1,8%, Valéria Correia (PSOL) foi citada por 1,6%, Corintho Campelo (PMN) teve 0,7% e Cícero Filho (PCdoB) ficou com 0,4%.

De acordo com o resultado, se as eleições fossem hoje, a disputa ira para o segundo turno.

No levantamento espontâneo, quando o eleitor cita o candidato em quem pretende votar, independente da apresentação de nomes, o quadro se inverte: Alfredo Gaspar aparece em primeiro, com 12,2%, contra 11,5% de JHC, configurando mais uma vez empate técnico.

Na espontânea 2,2% afirmam a intenção de votar em Cícero Almeida, 1,6% em Davi Filho, 0,7% em Valéria Correia, 0,6% em Josan Leite, 0,4% em Lenilda Lula, 0,3% no petista Ricardo Barbosa. Os demais candidatos somaram 2,1%.

 

A pesquisa

O levantamento do instituto Paraná Pesquisa foi realizado entre o sábado (10) e segunda-feira (12), com uma amostra de 680 eleitores estratificada segundo sexo, faixa etária, grau de escolaridade, nível econômico e posição geográfica. A pesquisa foi feita por telefone. O nível de confiança estimado é de 95% (noventa e cinco por cento) para uma margem de erro estimada, considerando uma técnica de amostragem aleatória simples, de aproximadamente 4 (quatro) pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados obtidos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o nº AL-02982/2020.

 



Compartilhe