Política

Vereador recém-eleito em Viçosa é preso sob suspeita de integrar grupo de extermínio


Redação
Fonte: TNH1

19/11/2020 20h33

Na manhã desta quinta-feira (15), o vereador do partido Republicanos recém-eleito no município de Viçosa, Gervásio Luiz de Oliveira Leite, o Vavá Oliveira, foi preso após suspeitas de fazer parte de um grupo de extermínio.

De acordo com informações da Polícia Civil, outros dois homens também foram presos pelas mesmas suspeitas. Até então, seis homicídios teriam sido realizados pelo grupo do qual Vavá faz parte, e outros quatro estão sob processo de investigação.

De acordo com o chefe de operação da 9ª Delegacia Regional de Viçosa (9ª DRP), Joubert Ataíde, o grupo agia “matando pessoas com promessas de recompensa e vantagens como votos e apoio político, intimidando e ameaçando testemunhas e familiares das vítimas, bem como eliminando provas dos crimes”.

Os mandados de prisão foram expedidos pela magistrada Juliana Batistela, da Comarca de Viçosa, e cumpridos pelo comandante da operação, o delegado Guilherme Sillero.



Compartilhe