Pop & Arte

Jackie Chan tem seus apartamentos de Pequim apreendidos e vão a leilão


Fonte: Folhapress

05/09/2020 12h35

Dois apartamentos de luxo do ator Jackie Chan, 66, em Pequim, avaliados em US$ 14,6 milhões (cerca de R$ 77,4 milhões), foram apreendidos e vão a leilão no próximo dia 30 de setembro. Segundo a revista Variety, os imóveis estão no meio de uma disputa judicial entre duas imobiliárias.

Os apartamentos são adjacentes e estão localizados em um complexo residencial. Juntos, eles têm 1.217 metros quadrados de área e seis quartos. De acordo com a Variety, Chan mora com a família no local desde 2007 e teria adquirido as propriedades por cerca de US$ 4,9 milhões (R$ 26 milhões) depois de fazer um trabalho promocional para a imobiliária Yujia.

Mas a empresa não teria transferido adequadamente os documentos de propriedade para o ator e, agora, os apartamentos são reivindicados por outra imobiliária, a Tenhong, que trava uma briga judicial com a Yujia.

Embora o valor de mercado dos imóveis seja de US$ 14,6 milhões, no leilão, o preço inicial será de US$ 10,5 milhões (R$ 55,7 milhões). Segundo a Variety, um dos apartamentos foi onde o filho de Chan, Jaycee, foi preso pela polícia de Pequim em 2014 por portar maconha.



Compartilhe