Rural

Beneficiários pedem manutenção do Programa do Leite


Fonte: Assessoria

30/07/2020 10h20

Diretores da Federação das Associações de Moradores e Entidades Comunitárias de Alagoas (Famecal) receberam da Secretaria de Agricultura a confirmação de que os pagamentos atrasados do Programa do Leite, que foi suspenso pelo Governo do Estado para reformulação, serão efetuados ainda no começo deste mês de agosto.

“Pedimos apenas o compromisso do Governo do Estado para a manutenção do Programa do Leite. Fomos informados que o dinheiro será liberado pelo Fecoep para que, em seguida, seja dado início o pagamento dos atrasados. Os produtores de leite estão há seis meses sem receber. A gente já sofre com altos índices de analfabetismo e agora com o da fome. Afinal, esse leite, que é fornecido pelo programa, é muito importante para as famílias carentes do nosso Estado”, afirmou o diretor de Formação e Educação Comunitária da Famecal, Antonio Sabino.

Em oficio encaminhado à Secretaria de Agricultura de Alagoas, a Famecal destacou que, diante do quadro da pandemia da covid 19 que assola Alagoas e o mundo, as famílias beneficiadas pelo Programa do Leite foram profundamente afetadas pelos efeitos econômicos negativos.

O programa atende mais de 80 mil famílias carentes do Estado com a distribuição semanal de leite fornecido por mais de três mil agricultores familiares alagoanos. 



Compartilhe