Rural

Safra 20/21 acumula moagem de 4,6 mi de toneladas de cana em AL


Redação
Fonte: Assessoria

15/11/2020 21h47

Com mais de 4,6 milhões de toneladas de cana processadas, as 15 unidades industriais em operação em Alagoas na safra 20/21 encerraram o mês de outubro com uma variação de – 14,9% em comparação ao mesmo período do ciclo passado.

De acordo com os dados divulgados no boletim quinzenal nº 04, com os números da produção acumulada até o último dia 31, das 15 unidades em operação neste ciclo, no Estado, apenas cinco haviam registrado crescimento na quantidade de cana esmagada em comparação a safra anterior, oscilando de 2,8% até 20%.

O levantamento, elaborado pelo Departamento Técnico do Sindaçúcar-AL, aponta ainda que as usinas alagoanas já produziram mais de 359 mil toneladas de açúcar. A variação ante o mesmo período da moagem 19/20, quando havia sido produzidas mais de 367 mil toneladas de açúcar, foi de - 2%.

Neste item, das 15 usinas em atividade, oito tiveram em outubro crescimento ante a safra passada e que variou de 6,2% até 637% que foi o caso da Leão que registrou maior alta na produção de açúcar no comparativo.

O boletim quinzenal informa ainda que a produção de etanol (anidro e hidratado) das 12 unidades produtoras, até outubro, foi superior a 108 milhões de litros. Mas, ante ao mesmo período da moagem passada, quando o acumulado estava acima de 144 milhões de litros, houve uma variação negativa de 25,1%.

No caso dos biocombustíveis, todas as unidades tiveram até o fim do mês passado uma produção acumulada inferior a ocorrida no mesmo período da moagem 19/20.



Compartilhe