Rural

Federação Unicafes Alagoas leva demandas do PAA e biodiesel à deputada Tereza Nelma


Redação
Fonte: Assessoria

28/04/2021 18h06

Em busca de melhorias para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) no âmbito nacional e estadual, dirigentes da Federação da União das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária de Alagoas (Unicafes-AL) estiveram reunidos com a deputada  e a coordenadora da bancada federal alagoana, Tereza Nelma, nesta terça-feira, 24, em Brasília/DF.

Os representantes buscam apoio dos parlamentares e do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) para a implantação de um modelo de PAA que contempla o funcionamento por meio de compras diretas, com indicação de emendas parlamentares e com a utilização de uma Central de Comercialização das Cooperativas. 

"O fortalecimento da Central das Cooperativas vai, de fato, movimentar essa negociação trazendo mais garantia de mercado e preço ao agricultor que muitas vezes, sem opção, vende abaixo do valor ao atravessador",  explicou Antonino Cardozo, presidente da Unicafes.

A Central de Comercialização das Cooperativas também deve solucionar  a escassez de mecardos para produtos perecíveis da agricultura. O trabalho deve contemplar a comercialização de mais de 60% dos tubercúlos,frutas e hortaliças ofertados pelos agricultores.
"Esse é o maior desafio de produtores como o de leite e da mandioca, por exemplo. Sofremos com a ausência de políticas  públicas e essa nova gestão para o País passa a ser mais efetiva dentro da realidade da agricultura", apontou. 

A deputada federal Tereza Nelma acenou positivamente e pretende receber novamente os representante da agricultura na próxima segunda, 3, em um Café da Manhãs com produtores.   

Selo 

A audiência com a deputada federal também tratou da continuidade do Selo Biocombustível Social. O programa, que compra biodisel da agricultura familiar e ainda promove acompanhamento técnico e extensão rural, sofre com ameaça de paralisação e extinção. 

"Entregamos uma carta aberta ao Congresso Nacional por meio da nossa coordenadora da Bancada. O objetivo é compartilhar a importância da compra desse biodiesel e a retomada desse produto, em fração maior, na produção do biocombustível. Houve uma redução e isso reflete diretamente na nossa categoria e enfraquece todo um segmento", completou Antonino Cardozo, líder da Unicafes Alagoas.
 



Compartilhe